quinta-feira, 25 de agosto de 2011

NOITE



Óh noite dubia de céu estralado mas dentro de mim nublado.
De intenso brilho das estrelas quem dera eu pudesse olhar e vê-las.

Rimas pobres, rimas fracas, não importa o porte sentimento forte
Sem razão, explicação, simplesmente existe.


E a noite encantada, desencanta a alma apaixonada.
Ilude e desilude qualquer que pense estar no controle.
Com rima ou sem, a noite linda embala
Paixão, pasión, passione
Diferentes idiomas uma só linguagem

Ah noite confusa que traz consigo horas de solidão
Ventos de um sentimento tempestuoso
Labaredas selvagens
Vulcão em erupção
Mar de possibilidades
Terra fértil de um corazón enamorado!!

Ah noite que viram dias e dias, noite
Ciclo onde estou inserida sem haver querido
Tempo que corre, voa, arrebata

Noite onde o que tenho vejo que não tenho
Acho que é o que não é
Espero esperar por quem se espera?

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Oi... muito obrigada por ler a postagem e enviar seu comentário!!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...